Wednesday, July 29, 2020

Ministérios Pão Diário - Esperança no luto

https://paodiario.org/2020/07/29/esperanca-no-luto

Esperança no luto

Escritura de hoje: Lucas 24:13-32
Bíblia em um ano: Salmos 49–50; Romanos 1

Então os olhos deles foram abertos e o reconheceram. Nesse momento, ele desapareceu.

Aos 19 anos, uma de minhas melhores amigas morreu num acidente de carro. Nas semanas e meses seguintes, andei por um túnel de luto. A dor de perder alguém tão jovem e maravilhosa me fez perder o rumo, e às vezes, até me sentia alheia ao que acontecia ao meu redor. Sentia-me tão cega pela dor e luto, que simplesmente não podia ver Deus.

Em Lucas 24, dois discípulos confusos e abatidos após a morte de Jesus, entenderam que estavam andando com seu Mestre ressurreto, mesmo depois de Ele ter-lhes explicado, pelas Escrituras, por que o Salvador prometido tinha que morrer e ressuscitar. Somente quando Ele pegou o pão e o partiu, foi-lhes revelado que estavam na presença de Jesus (vv.30,31). Embora os seguidores de Jesus tenham enfrentado a morte em todo o seu horror quando Ele morreu, através de Sua ressurreição, Deus lhes mostrou como ter esperança novamente.

Como os discípulos, podemos nos sentir pesados pela confusão ou luto. Porém, podemos encontrar esperança e conforto no fato de Jesus estar vivo e agindo neste mundo — e em nós. Embora ainda enfrentemos abatimento e dor, podemos “convidar” Cristo para andar conosco em nosso túnel de sofrimento. Ele é a Luz do mundo (João 8:12), e pode nos trazer raios de esperança para iluminar o nosso caminho.

Por:  Amy Boucher Pye

Refletir & Orar
Senhor, obrigado por seres a luz na escuridão e me concederes esperança quando estou triste e confuso. Ajuda-me a ver a Tua glória.
Embora nos entristeçamos ao enfrentar os lutos, temos esperança em Jesus.

© 2020 Ministérios Pão Diário
A dor de perder alguém tão jovem e maravilhosa me fez perder o rumo, e às vezes, até me sentia alheia ao que acontecia ao meu redor. Sentia-me tão cega pela dor e luto, que simplesmente não podia ver Deus.

No comments:

Post a Comment